segunda-feira, 15 de julho de 2013

As piores dietas de todos os tempos

“Coma o que quiser, quando você quiser e veja seus quilos a mais sumirem!”. Você já leu, ouviu e até mesmo experimentou alguma dieta milagrosa que prometeu eliminar o excesso de peso por meio de mínimos esforços. Existem centenas de dietas deste tipo. E também milhares de pessoas seguindo dietas miraculosas.

E por que isto acontece? Na verdade, muitas destas dietas resultam em perda de peso rápida, mas que não se mantém.

Adicionalmente, a perda de peso de dietas de resultado rápido vem acompanhada de perda de saúde, incluindo perda de massa muscular, perda de eletrólitos, desidratação e por fim o ganho de peso de volta.

É normal que todos procurem a lei do menor esforço, desenvolvendo um tipo de pensamento mágico que se recusa a visualizar os fatos: não adianta enganar-se com alimentos, pílulas, shakes e poções mágicas. A única maneira de perder peso é gastar mais calorias do se ingere, reforçam especialistas em nutrição.

De maneira geral, após algumas semanas fazendo uma dieta da moda, as pessoas tornam-se frustradas e desistem. Isto acaba por gerar sentimentos de fracasso que levam às pessoas a hábitos de vida ainda menos saudáveis. Em outras palavras, você freqüentemente sente-se pior após uma dieta assim.

As piores dietas de todos os tempos

Aqui estão as dietas com as piores chances de produzir resultados de perda e manutenção de peso no longo prazo:

1. Dietas focadas em alguns alimentos ou grupo de alimento específico
Tenha cuidado com dietas que excluem grupos de alimentos inteiros. As pessoas precisam alimentar-se de uma variedade de alimentos para satisfazer as necessidades de nutrientes do organismo.

Estas dietas restritivas funcionam inicialmente, pois reduzem a possibilidade de escolha e consumo de vários alimentos, mas falham na manutenção dos resultados de longo prazo. É possível perder peso rapidamente quando se opta pela dieta da sopa de couve, por exemplo, mas quanta sopa uma pessoa consegue comer? E por quanto tempo?

É óbvio que após algum tempo, você começa a sentir vontade de comer algum alimento diferente.

Tenha em mente que é possível incluir todo tipo de alimento em uma dieta saudável, desde que seja feito uso moderado. Até mesmo chocolates, sorvetes, bacon e batatas fritas podem estar presentes em uma dieta saudável, desde que em quantidades recomendadas. Toda vez que você elimina ou restringe uma comida, surge o desejo pelo proibido, levando a quebra e fracasso da dieta.

2. Dietas de desintoxicação
Regimes que pregam procedimentos para desintoxicar o corpo são altamente suspeitos.

Todas estas dietas que pregam limpeza ou equilíbrio do organismo são baseadas em pensamentos mágicos e não possuem nenhuma base científica. Seu corpo está bem equipado com órgãos como fígado, rins e sistema imunológico para promover toda limpeza, desintoxicação e equilíbrio necessário.

Os componentes usados nestas dietas, na verdade, são mais substâncias com as quais o seu organismo vai ter que lidar para desintoxicar-se.

3. Dietas com alimentos mágicos
As pessoas estão sempre buscando um alimento, pílula ou poção mágica para ajudar a perder peso, mas infelizmente tais ingredientes não existem. Nenhum alimento ou grupo de alimento por si só é capaz de reduzir o peso.

Fique alerta a qualquer dieta que recomenda o uso de suplementos, enzimas, shakes e poções, principalmente quando o livro, revista, site ou programa recomenda e ao mesmo tempo vende o produto.

Você não precisa de suplementos caríssimos. Se você usa algum suplemento polivitamínico para complementar sua dieta, tudo bem, mas, além disto, os especialistas recomendam que você consiga seus nutrientes por meio da alimentação.

4. Dietas de baixíssimas calorias
Jejuar é um costume comum em várias religiões, e não causa problemas quando realizado por um ou dois dias, mas jejuar para perder peso é algo contra-produtivo.

Quando você reduz drasticamente o consumo de calorias, seu corpo pensa que está entrando em período de privação, e ajusta o metabolismo, ou seja, reduz o gasto para poupar energia. Mas quando você volta a comer normalmente, o metabolismo não acelera de imediato, transformando as calorias a mais em quilos extras. Esta é a explicação para o efeito sanfona.

Mas o pior é que durante o jejum ou em uma dieta de baixíssimas calorias a perda de peso é devido a uma combinação de gordura, água e músculos, mas quando o peso retorna, trata-se praticamente de gordura.

Um ponto final contra as dietas de baixíssimas calorias é que você coloca o organismo em estado de inanição, reduzindo o desempenho físico e mental, reduzindo suas chances de praticar atividades físicas e queimar calorias de forma saudável.

5. Dietas que parecem boas demais para ser verdade
Dietas que anunciam algum segredo oculto, algo que as autoridades de saúde não querem que você saiba.

Estas dietas geralmente recomendam a compra de livros, manuais ou fórmulas que contêm o segredo que está sendo guardado a sete chaves.
Mas as pessoas responsáveis por anunciar tais dietas somente estão interessadas no aumento de sua conta bancária e não guardam nenhum respeito por sua saúde.

No meio científico este tipo de anúncio não é tolerado, pois todos os experimentos e testes são abertos a comunidade para que sejam comprovados e repetidos por outros.

Para começar uma boa dieta

Por fim, é importante saber que não existe uma dieta única que se encaixe na vida de todo mundo. A chave para uma dieta saudável é a personalização ao seu estilo de vida. A melhor dieta é aquela que você possa agregar ao seu cotidiano no longo prazo.
Se você encontra-se em dúvida a respeito de alguma condição médica ou doença que possa estar causando ganho de peso ou impedindo a perda de peso, consulte seu médico. E lembre-se que profissional que melhor pode orientá-lo em relação a uma dieta personalizada é o nutricionista.

"Descubra como Atingir um Corpo Ultra, Super Definido cheios de Musculos sem Gastar com Suplementos Caros, sem Precisar fazer Dietas Caras e de um Jeito extremamente Fácil, Barato e Simples para Atingir um Corpo Super Bonito e Ultra Definido cheio de Musculos"